terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Triste Ano Novo


                Quem abrisse as cortinas quando a meia-noite do dia 1 de janeiro de 2013 se aproximava, veria uma garota chorando.
                Entretanto, ninguém as abriu. Ninguém ligava para outra pessoa nessa hora. No momento da virada do ano, todos pensavam em si mesmos e em como aquele recomeço traria muitas alegrias. Todos, menos aquela garota.
                Apoiada no parapeito da janela, esperando os fogos estourarem enquanto tomava um pouco de champanhe,  ela chorou. Chorou de medo e de solidão, chorou de tristeza e de saudade. Chorou por si mesma, é claro, mas chorou pelas pessoas que amava e, naquele segundinho, não estavam com ela. E, talvez, nunca mais estivessem.
                Dois mil e doze havia sido um ano diferente do que ela estava acostumada. Ela havia rido como nunca antes,  amado intensamente, feito amizades que ficariam para sempre. Mas, apesar disso tudo, ela havia sofrido. Havia sofrido por ter crescido, amadurecido, pelos erros que cometera e as pessoas que magoara.
                Agora, no minuto em que todos estavam juntos, sorrindo, brindando... Ela estava sozinha. Ou, pelo menos, sentia-se assim. Enquanto sua família esperava no andar de baixo, ela apenas chorava silenciosamente pensando no futuro e o quanto ainda sofreria.
                A garota não chegou a conclusão nenhuma. Podia pensar que as coisas se ajeitariam, que ficaria tudo bem, mas ela sabia que não era real. Ela sentia, no fundo de seu coração, que perderia muita coisa no decorrer de 2013. E estava com medo de saber o que seria.
                E, quando a noite inteira se iluminou com um chamado de felicidade, que parecia irreal demais para a menina, barulhento demais, cansativo demais, um nó cresceu em seu peito. Tudo havia começado com um beijo e, naquele exato segundo, era o que ela mais queria. Seu beijo de ano novo.
                Mas isso não aconteceu. E, como ela previra, nunca aconteceria.
                
                Feliz Ano Novo,
                Babi

14 comentários:

  1. Muito bem escrito o texto, porém achei triste...mas profundo e tocante! Parabéns!
    Beijos literários.
    http://marlicarmenescritora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Olá linda, eu vim te desejar um ótimo ano novo, que vc seja realmente muito feliz, que tenha paz, e muita alegria. Que Deus te ilumine grandemente.
    Feliz ano novo,e muita saúde. Já te sigo e sou uma grande leitora do seu blog parabens, se quiser dar uma passadinha no meu, fique a vontade.
    cupcakeofchocolate.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu, passo lá mais tarde sim!

      Bjs, Babi

      Excluir
  3. Nossa que triste :/ confesso que nessa virada segurei para não chorar porque lembrei de umas coisas, mas acho que temos que deixar o passado para trás e seguir em frente, ás vezes o que agente quer não é o melhor para nós :)

    Feliz 2013!!
    bjos

    http://designermaniagiovana.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, o problema é que não posso deixar o passado pra trás. Tentei, mas n rola. Vamos ver o que acontece. Kkk'

      Bjs, Babi

      Excluir
  4. Lindo e triste, em pensar que algumas pessoas passam mesmo o ano novo assim. Você escreve bem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É.. Algumas pessoas. Obrigada!

      Bjs, Babi

      Excluir
  5. Ai flor que texto mais triste, mas o melhor de começar um novo ano é a oportunidade de deixar as mágoas e decepções pra trás!

    Beijinhos <3
    Garota Inocente

    ResponderExcluir
  6. Olá! Você escreve muito bem, viu? O texto não deixa de ser real, mas é bem triste.
    Eu confesso que vou tentar deixar todas as mágoas no passado, tenho que tentar fazer diferente dessa vez!

    Beijos,
    Gabriela - leitoraonline.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que consiga! E obrigada!

      Bjs, Babi

      Excluir
  7. Olá Babi,
    adorei o texto pois me identifiquei completamente com ele.
    Eu só não chorei na virada pois prometi a mim mesma que deixaria todas as mágoas do ano em 2012.
    Esse é o tempo de mudanças, e uma nova vida está por vir,

    beijos,

    Juliana,
    http://ser-escritora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tinha prometido tb. Kk'

      Espero que consiga!

      Bjs, Babi

      Excluir

Escrever é expor seus pensamentos...
Coloque um comentário e venha se aventurar também!