sábado, 22 de dezembro de 2012

Onde está você?

        Peguei meu livro da bolsa e comecei a ler sozinha nas arquibancadas. Alguns alunos treinavam para um jogo importante, mas o barulho da bola quicando pela quadra não me irritava ou incomodava. Na verdade, até mesmo me relaxava.
        Virei a página concentrada quando escutei passos perto de mim. Meus olhos se direcionaram para o intruso e acabaram se deparando com você. O mesmo garoto que, há alguns anos, jogava diante de meu olhar e me fazia rir com suas palhaçadas. Porém, em sua nova aparência, não havia nem uma gota da felicidade de antes. Havia apenas mágoa, rancor e uma recém adquirida crueldade.
        Voltei a ler calmamente, mas não consegui me concentrar quando reparei que você estava tremendo. Suas mãos estavam em seu rosto e você parecia à beira de um ataque nervoso. Eu precisava fazer alguma coisa. Já havia te deixado sofrer sozinho no passado e não podia repetir o mesmo erro. Você merecia um ombro amigo.
         Coloquei meu livro na mochila e a posicionei em minhas costas. Andei no degrau da arquibancada até que minha aproximação chamou sua atenção. Seu olhar estava vermelho e seu rosto molhado. Seus lábios se moveram formando as palavras "Por quê?". E eu nem precisei perguntar o sentido do que havia sido dito. Porque eu também queria saber o porquê de termos nos afastado, o porquê de termos cometido tantos erros e o porquê de termos destruído nossa história.
          Articulei um "você está bem?", mas não aguentei esperar pela resposta. Seus novos amigos tão rudes se aproximaram de mim e deram aqueles "oi" cheios de segundas intenções. Quando comecei a me afastar, alguns dos adolescentes recém-chegados se colocaram no meu caminho. Apesar de minhas tentativas de fugir, eles continuavam sendo tão insistentes. Até que escutei sua voz dizendo "Deixem-a em paz". E todos o obedeceram.
          Comecei a subir os degraus com calma, porém, não resisti a olhar para trás uma última vez. Você estava me encarando. Seus olhos ainda estavam vermelhos de choro. Seu corpo ainda tremia. Você até podia estar repleto de amigos, mas eu ainda conseguia ver o garoto solitário perdido dentro de seu corpo. Infelizmente, eu já não era mais capaz de salvá-lo.

Beijinhos, StarGirlie.

21 comentários:

  1. Nossa, esse texto foi tão profundo... Acho que um dos poucos textos seus que eu não me identifiquei nem lembrei de ninguém, mas acho que foi um dos mais tocantes por sua sinceridade e transmissão de sentimentos.

    Beijos,

    Juliana,
    http://ser-escritora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É tão bom saber que eu consegui fazer um trabalho tão tocante, Ju. Eu estava um pouco receosa que o texto não saísse bom, mas, pelo seu comentário, já posso acabar com essa minha preocupação! Beijinhos, StarGirlie.

      Excluir
  2. Olá! Um ótimo texto, você quem escreveu? Eu não sei o que aconteceu entre os dois, mas o conjunto de sentimentos entre os dois deu uma profundidade enorme ao texto.
    Muito bom mesmo!

    Beijos,
    Gabriela - leitoraonline.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada mesmo, Gabi, e fui eu quem escreveu sim! Acredito que nesse texto, o que move os acontecimentos são os sentimentos desses personagens... Beijinhos, StarGirlie.

      Excluir
  3. Eu amei esse texto tão profundo, tão sincero, tão tocante! Amei, amei, amei! ♥
    Mil Beijos!
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muitooooo obrigada, Gabi! É tão bom ler um comentário como o seu :D Beijinhos, StarGirlie.

      Excluir
  4. ótimo texto, você fo bem descritiva quanto ao sentimento de ambos.
    beijos da Mari
    http://www.amostradelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Mariana! Beijinhos, StarGirlie.

      Excluir
  5. Nossa, que texto lindo!
    Adorei!! *-*
    Beijos

    http://kastmaker.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada mesmo, Gih ;) Beijinhos, StarGirlie.

      Excluir
  6. Nossa que texto lindo, profundo demais! Mexeu comigo, juro. Quando comecei a ler achei que ia ter um "final feliz" ):

    Beijinhos <3
    Garota Inocente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico tão feliz por saber que consegui escrever um texto profundo desse jeito! Eu quando estava escrevendo também imaginei que tudo acabaria bem para os personagens principais, mas os fatos correram por si só e... Não deu certo :/ Beijinhos, StarGirlie.

      Excluir
  7. Olá, eu aqui novamente. Passando para avisar-lhe que tem um selo para você em meu blog, confira: http://ser-escritora.blogspot.com.br/2012/12/selo-5-natal-me-faz-lembrar.html

    beijos,

    Juliana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada mesmo, Ju! Já estou indo conferir o meme :D Beijinhos, StarGirlie.

      Excluir
  8. Nossa arrepiei inteirinha! Medoooo! Texto muito triste e ao mesmo tempo muito profundooooo, me toquei com ele! Mas desde que eu conheci o blog eu sempre me comovo com os seus textos, eles me fazem refletir e lembrar de algumas situações que já passei!!!
    Muitooo lindo... AAAAh star, esse textoo não merecia uma continuação? hahahahahahahahahhahaha

    Beijinhos Bi
    http://www.janeladela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu comentário me deixou tão feliz, Bianca! É tão bom saber que meus textos te levam a momentos de reflexão e lembranças. Muito obrigada mesmo! E não sei, talvez esse texto tenha uma continuação srrssrrsrsrsrsrsrs Beijinhos, StarGirlie.

      Excluir
  9. Que perfeito! *o*
    Nossa, porque não continua o texto? Um final feliz, pode me fazer feliz, rs

    @esteffanifontes - tt
    Aos Dezesseis Anos - aosdezesseisanos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muitooooo obrigada, Esteffani! Pelo visto, todo mundo quer um final feliz para esse casal de personagens... Hmmmm, vou pensar no caso da continuação srsrrsrsrs Beijinhos, StarGirlie.

      Excluir
  10. Tem um meme de Natal pra ti no meu blog:
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/
    Mil Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muitoooo obrigada, Gabi :D Daqui a pouco vou postar aqui no blog! Beijinhos, StarGirlie.

      Excluir

Escrever é expor seus pensamentos...
Coloque um comentário e venha se aventurar também!